Topo
Blog do Arcanjo

Blog do Arcanjo

Categorias

Histórico

Crise dos 30 é tema do 2º filme de Andradina Azevedo e Dida Andrade, 30 Anos Blues

Miguel Arcanjo Prado

05/04/2017 11h29

Os atores Danielle Rosa, Adriano Toloza e Carol Melgaço em "30 Anos Blues", segundo filme de Andradina Azevedo e Dida Andrade – Foto: Divulgação

Por Miguel Arcanjo Prado

Se no primeiro longa os rapazes expuseram de forma poética as angústias dos 20 e poucos anos, desta vez, o tema é a insegurança com a chegada dos 30, desde a vida amorosa à profissional.

Terminaram na última semana as filmagens do longa "30 Anos Blues", o segundo filme da dupla cineastas Andradina Azevedo e Dida Andrade.

Os paulistanos chamaram a atenção do público e da crítica especializada já em seu filme de estreia, "A Bruta Flor do Querer", lançado em 2016 após conquistar os Kikitos de melhor direção e melhor fotografia no tradicional Festival de Gramado.

No novo filme, mais uma vez, a São Paulo onde vivem é pano de fundo.

"30 anos Blues foi rodado inteiro em São Paulo. Começamos em dezembro, demos uma pausa para Natal e Ano-Novo, e voltamos em meados de janeiro. Finalizamos as filmagens no último dia 29 de março", revela Andradina.

"No total foram 32 diárias, três vezes mais do que nosso primeiro filme, 'A Bruta Flor do Querer'. '30 Anos Blues' teve um grande número de locações e elenco grande. Foi um salto como desafio e tamanho de produção", acrescenta Dida.

Os cineastas adiantam ao Blog do Arcanjo do UOL detalhes do roteiro: "Ele segue por quatro personagens que terão suas vidas mudadas após um reencontro de formandos".

O ator argentino Juan Manuel Tellategui, o cineasta Andradina Azevedo, a atriz Claudia Alencar, o cineasta Dida Andrade e o diretor teatral Marco Antônio Braz nos bastidores do último dia de filmagem de "30 Anos Blues" – Foto: Divulgação

Jovens sonhadores

"As filmagens foram difíceis, porque não seguimos tudo aquilo que aprendemos sobre fazer um filme sem dinheiro: que deve ter poucos personagens, poucas locações e um roteiro mais simples e enxuto", lembra Andradina, revelando que optaram justamente pelo contrário.

"Mas, talvez, na arte, para a gente atingir coisas maiores precisemos dessa loucura e irresponsabilidade que a gente só tem quando é sonhador e jovem. Por isso, optamos por um filme maior e agradecemos a todos que acreditam no projeto. Estamos emocionados com tanta gente querida batalhando com a gente", acrescenta.

Mesmo rodeados por tanta gente, eles dizem que ainda não conseguiram trabalhar com todos os atores que queriam. "Da próxima vez teremos que fazer uma novela", brinca Dida.

Além dos dois cineastas, como já aconteceu no primeiro longa, estão no elenco os atores Julia Ianina, Carol Melgaço, Adriano Toloza, Danielle Rosa, Claudia Alencar, Juan Manuel Tellategui, Marco Antônio Braz, Bruna Yamatogue, Fábio Penna, João Federici, Pedro Lopes, Tony Reis, Baby de Moraes, André Lu, Daiane Brito, Hanna Perez, Mariana Hein, Larissa Korolkovas, Diana Motta e Ricardo Dantas, entre outros.

Berlim e festivais

Com o término das filmagens, Andradina e Dida seguem para uma temporada Berlim, onde pretendem montar o filme e "batalhar uma estreia em algum festival grande no exterior no começo de 2018".

"Após a estreia internacional, vamos buscar um festival nacional para exibir o filme no Brasil em primeira mão. Acreditamos que no final de 2018 o filme estará no circuito comercial", avisam.

Saiba mais sobre o filme "30 Anos Blues", de Andradina Azevedo e Dida Andrade

Siga Miguel Arcanjo Prado no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Sobre o autor

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes Cênicas pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Mineiro de Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. Passou por O Pasquim 21, TV UFMG, Rádio UFMG Educativa, TV Globo Minas, Curso Abril de Jornalismo, Superinteressante, Contigo!, Folha de S.Paulo, Agora, Uma, R7, Record, Record News, Rede TV!, Claudia e Band. Foi eleito duas vezes um dos dez melhores jornalistas de Cultura em Mídia Eletrônica do Brasil pelo Prêmio Comunique-se.

Sobre o blog

O Blog do Arcanjo mostra o que acontece e quem é destaque nos palcos, telas, salas e bastidores do Entretenimento e da Cultura de um jeito leve e inteligente.