Topo
Blog do Arcanjo

Blog do Arcanjo

Categorias

Histórico

"A Fazenda" vence "Amor e Sexo" e Mion comemora: "Sempre quis Rafael Ilha"

Miguel Arcanjo Prado

07/11/2018 12h30

O apresentador Marcos Mion em "A Fazenda" na tarde desta terça (6): décima edição do reality da Record é sucesso de repercussão junto ao público – Foto: Edu Moraes – Record – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

Momentos antes da eliminação da confinada Nadja no reality "A Fazenda" nesta quarta (6), após esta chutar o participante Caique e infringir as regras do programa, o apresentador Marcos Mion parecia feliz e confiante ao circular pela sede do reality rural da Record, em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, ao lado do diretor do programa, Fernando Viudez, e do diretor de realities da Record, Rodrigo Carelli.

"A Fazenda 10" recolocou a Record na casa de dois dígitos de audiência em sua faixa horária, garantindo o primeiro lugar em alguns dias, quando vence as atrações da Globo "Amor e Sexo", de Fernanda Lima, e "Os Melhores Anos das Nossas Vidas", de Lázaro Ramos. Nesta terça (6), "A Fazenda" ganhou de "Amor e Sexo", com 13,4 pontos para a Record contra 11,8 pontos para a Globo.

Grisalho e às vésperas dos 40 anos, que vai completar em 2019, Mion surge em "A Fazenda" bem mais maduro do que o irreverente garoto que conquistou legião de fãs na áurea e libertária MTV, boa parte deles capturados para o "Legendários", programa que durou de 2010 até 2017 na Record.

"Sempre quis ver 'A Fazenda' com Rafael Ilha", diz Marcos Mion ao Blog do Arcanjo no UOL, logo após um farto café da tarde em uma das salas do complexo televisivo. "E o mais louco é que o público mais jovem não conhece o Rafael Ilha da época do Polegar [boy band da virada dos anos 1980 para 1990], mas do reality show 'Power Couple'", diz sobre o cantor e produtor de TV que já teve problemas com drogas e acaba de se tornar o oitavo fazendeiro da edição.

Adepto da internet e redes sociais desde seus primórdios — durante anos, ele teve um blog recordista de acessos —, Mion declara ficar impressionado com a "repercussão positiva" de seu nome no comando da atração sob comando do diretor de realities Rodrigo Carelli. "Senti que estava todo mundo na torcida", fala.

"A Fazenda": dez edições em três fases bem distintas: Britto Jr., Roberto Justus e Marcos Mion – Foto: Divulgação – Record – Blog do Arcanjo – UOL

Seu jeito despachado, que o diferencia enormemente dos apresentadores anteriores, o formal Britto Jr. e o sisudo Roberto Justus, logo cativou os telespectadores, sobretudo os mais jovens.

Gente que assiste ao programa como se visse uma partida de futebol, com corações inflamados pela torcida frenética, coisa que Mion sente diariamente no contato com o público nas redes sociais. Tanto que foi nelas onde escolheu lamentar a expulsão da participante Nadja, dizendo-se "triste" com a "saída fora da ordem natural das coisas".

Mas, é jogo que segue até 13 de dezembro, data da grande final.

Cena de "A Fazenda – 10": Rafael Ilha é o novo fazendeiro, já Nadja foi expulsa por agredir Caique com um chute – Foto: Reprodução – Record – Blog do Arcanjo – UOL

Mion lembra que, bem antes de imaginar que um dia apresentaria o reality, fez uma verdadeira pós-graduação em "A Fazenda", quando usava o programa de mote para seu quadro "Vale a Pena Ver Direito" no extinto "Legendários". "Passava horas assistindo ao material bruto para ver com o que poderia fazer piada", lembra.

Apesar de tanto conhecimento de causa, revela que se surpreendeu com a "fórmula" que o programa tem, ao unir personalidades distintas em um jogo efervescente. "Eles sabem o que estão fazendo ao escalar os participantes. Nem eu acreditava que daria tanta liga", afirma, elogiando a equipe sob comando de Carelli.

Dono de um jeito despachado, Mion precisa se policiar ao falar com os confinados. "Ele não pode entregar nada nem funcionar como um termômetro do que se passa aqui fora para os participantes", explica o diretor, Rodrigo Carelli. O apresentador concorda: "Eles lá dentro estão com nervos à flor da pele, cada coisa que digo é absorvida e lida de forma diferente por eles, é preciso imparcialidade". Por isso, reforça que não tem participante preferido.

Mion está tão envolvido com o processo frenético de um reality show que não parou ainda para fazer uma espécie de autocrítica. "Estou dedicado a apagar um incêndio por dia", brinca. "Prefiro ir me divertindo, estou adorando o programa", confessa, sem querer fazer problematizações nesta altura do campeonato. O diretor concorda que o tempo seja mesmo de mergulho completo para seu novo apresentador: "Autocrítica neste momento é o oposto do que precisamos", pontua Carelli.

Mion faz questão de se envolver no cotidiano da produção. "Pedi para colocarem meu e-mail nos relatórios de produção, recebo até as decupagens das gravações", revela. Além disso, passa boa parte do dia nas redes sociais, vista por ele como um termômetro. "Sou um apresentador participativo", define.

Rodrigo Carelli, Fernando Viudez e Marcos Mion na sede de "A Fazenda", reality da Record, em Itapecerica da Serra, SP, nesta terça (6) – Foto: Edu Moraes – Record – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

O diretor Fernando Viudez elogia esse apresentador "parte integrante da produção" e que "conhece todos os detalhes e participa dos acontecimentos ao longo do dia", reforçando que isso é fundamental para o programa.

Mion lembra que tal grau de envolvimento é herança da "escola MTV", onde ele e Carelli começaram suas carreiras e foram contemporâneos, lugar no qual todos faziam de tudo em uma sinergia que entrou para a história da televisão brasileira.

"Na MTV a gente tinha obrigação de ser vanguarda e criar moda, criar linguagem. Tenho um orgulho danado de ter vindo de lá", reforça Mion, com Carelli consentindo.

Falando em criar moda, este novo apresentador de "A Fazenda" está lançando uma? "Acho que sim, a gente procurou deixar esse visual que tivesse a ver com o programa também, mas que se aproximasse do que eu sou. Sou um 'roceiro country rock'", brinca.

Mion deu fôlego novo ao reality que completará dez anos na grade da Record em 2019. Será que virão mais edições com o novo apresentador? É Carelli quem responde: "Tudo indica que vai ter, sim, mas ainda não dá para cravar 100%, mas te digo que nunca vi uma 'A Fazenda' de tamanho impacto junto ao público como essa". Ao lado, Mion observa as palavras de seu diretor com um sorriso de sabe que está conseguindo cumprir a missão dada.

Marcos Mion na sede de "A Fazenda" em Itapecerica da Serra, SP, nesta terça (6): novas edições à vista sob seu comando – Foto: Edu Moraes – Record – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

Siga Miguel Arcanjo Prado no Instagram

Sobre o autor

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes Cênicas pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Mineiro de Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. Passou por O Pasquim 21, TV UFMG, Rádio UFMG Educativa, TV Globo Minas, Curso Abril de Jornalismo, Superinteressante, Contigo!, Folha de S.Paulo, Agora, Uma, R7, Record, Record News, Rede TV!, Claudia e Band. Foi eleito duas vezes um dos dez melhores jornalistas de Cultura em Mídia Eletrônica do Brasil pelo Prêmio Comunique-se.

Sobre o blog

O Blog do Arcanjo mostra o que acontece e quem é destaque nos palcos, telas, salas e bastidores do Entretenimento e da Cultura de um jeito leve e inteligente.