Topo
Blog do Arcanjo

Blog do Arcanjo

Categorias

Histórico

Morre atriz Sônia Guedes aos 86 anos

Miguel Arcanjo Prado

2004-06-20T19:10:23

04/06/2019 10h23

A atriz Sônia Guedes, que morreu aos 86 anos em São Paulo – Foto: Divulgação – TV Cultura – Blog do @miguel.arcanjo – UOL

A atriz Sônia Guedes morreu na noite desta segunda (3) em São Paulo, aos 86 anos. O corpo da artista é velado no Cemitério do Araçá em São Paulo, até 12h30, desta terça (4). Depois, seguirá para Paranapiacaba, no interior de São Paulo, onde será sepultado no cemitério da cidade, apurou o Blog do Arcanjo. A família não divulgou a causa da morte.

Sônia fez seu último trabalho em novelas em "Chiquititas", no SBT, em 2014. Uma das suas atuações emblemáticas foi como a mãe da personagem de Regina Duarte na icônica série "Malu Mulher", na Globo, em 1979.

Regina Duarte com os pais de "Malu Mulher": Antônio Petrin e Sônia Guedes – Foto: Divulgação – Globo – Blog do @miguel.arcanjo – UOL

Também na Globo, atuou ainda em novelas como "Barriga de Aluguel", em 1990, "Coração de Estudante", em 2002, e "Mulheres Apaixonadas", em 2003. Ela nasceu em 22 de novembro de 1932 em Santo André, no ABC Paulista, e se formou na Escola de Arte Dramática, atualmente pertencente à USP.

Em 1978, venceu os prêmios APCA e Governador do Estado de Melhor Atriz por sua performance na peça "Caixa de Sombras". Em 1979, esteve ao lado de Raul Cortez em "Rasga Coração", peça clássica de Oduvaldo Vianna Filho, dirigida por José Renato Pécora, um marco da resistência à ditadura civil militar e que foi adaptada para o cinema no ano passado por Jorge Furtado, com Drica Moraes e Marco Ricca.

Em 2014, ela esteve ao lado de Laura Cardoso, Nívea Maria e outros grandes nomes na peça "A Última Sessão", sucesso de público em São Paulo sob direção de Odilon Wagner.

Sônia Guedes, primeira à esquerda, em cena da peça "A Última Sessão", em 2014, seu último grande sucesso nos palcos – Foto: João Caldas – Divulgação – Blog do @miguel.arcanjo – UOL

Veja, abaixo, a entrevista que Sônia Guedes deu ao programa "Persona em Foco" da TV Cultura, imprescindível registro da memória do teatro brasileiro:

Siga @miguel.arcanjo no Instagram

Sobre o autor

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Mineiro de Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. Passou por O Pasquim 21, TV UFMG, Rádio UFMG Educativa, TV Globo Minas, Curso Abril de Jornalismo, Superinteressante, Contigo!, Folha de S.Paulo, Agora, Uma, R7, Record, Record News, Rede TV!, Claudia, Band, Gazeta e Rede Brasil. É jurado dos prêmios APCA, do Humor, Bibi Ferreira, Sesc Melhores Filmes, Risadaria e Aplauso Brasil. Foi eleito duas vezes um dos dez melhores jornalistas do Brasil na categoria Cultura em Mídia Eletrônica pelo Prêmio Comunique-se.

Sobre o blog

O Blog do Arcanjo mostra o que acontece e quem é destaque nos palcos, telas, salas e bastidores do Entretenimento e da Cultura de um jeito leve e inteligente.